Pesquisador baiano recebeu Prêmio Roberto Santos de Mérito Científico

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia – FAPESB lançou, este ano, o Prêmio Roberto Santos de Mérito Científico. O intuito da premiação é reconhecer o trabalho realizado pelos pesquisadores que contribuem para o desenvolvimento do estado, além de estimular o exercício da pesquisa científica. O escolhido pelo Comitê de Busca, formado para este fim, foi Maurício Lima Barreto, professor titular do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia e da FIOCRUZ/Bahia.

Barreto foi o escolhido entre nove candidatos, indicados por meio de uma Consulta Pública aos pró-reitores de pesquisa das universidades baianas (federais, estaduais e particulares sem fins lucrativos), aos diretores dos institutos de pesquisa na área de Ciências da Vida sediados no estado e aos pesquisadores do CNPq atuantes na área. A Comissão que decidiu pela premiação do professor Barreto foi composta por Esper A. Cavalheiro, Francisco M. Salzano e Paulo M. Buss e ratificado pela Diretoria Executiva da Fapesb.

Como critérios para escolha do premiado, a Comissão analisou a produção científica, a publicação dos resultados em artigos científicos, livros e capítulos de livros; a preocupação com a formação de recursos humanos, especialmente em nível de pós-graduação; e o reconhecimento por seus pares, através de sua classificação como Bolsista de Pesquisa do CNPq, bem como prêmios e honrarias recebidos em sua carreira.

A premiação aconteceu  no dia 27/08/2015 durante a solenidade de aniversário da Fapesb, que completou 14 anos nesta data. O evento contou  com a presença de secretários do estado, reitores e pró-reitores de universidades e instituições de ensino superior e pesquisa, representantes de instituições parceiras, ex-diretores da Fundação e membros da Academia de Ciências.